segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Os Prematuros que eu conheço..,.



...a Vera e o André e é esta a ordem, primeiro foi a Vera, que nasceu à 9 anos, com 33 semanas, quando ninguém fazia prever, logo no dia a seguir ao dia da liberdade, mas começou a dar sinal de si, mesmo no dia da liberdade e que estaria próximo o seu grito de "ipiranga". Uma menina encantadora, filha de uma grande amiga, uma sobrevivente por natureza, que continua a crescer de uma forma saudável e encantadora.
Quase dois anos depois, com mais ou menos 30 semanas, temos o André, um furação,o  exemplo de força e de luta para sobreviver, esteve internado  quase 2 meses, em algumas ocasiões entre a vida e a morte, mas sempre a lutar para sobreviver. 
O André, ainda hoje luta à maneira dele, pelas coisas dele, por gostar de música e dança e não gostar de futebol, por ser um fala barato, por não parar quieto, por ser um rebelde, um apressado para viver tudo com muita intensidade. 
O dia 17 de Novembro, será sempre o dia da Vera e do André. 

5 comentários:

desabafosemrodape disse...

dois casos de sucesso. e às vezes é tão difícil esse processo de vingar quando a vida tem tantos obstáculos.

Gaja Maria disse...

Meu MAisVelho também nasceu prematuro, de 34 semanas, em pequeno sempre foi muito frágil e teve muitos problemas de saúde mas felizmente hoje, com 21 anos, ali está ele, um rapagão cheio de saúde :)

manuela carvalho disse...

Que bom que a vida os soube proteger! Bjinho

Tanita disse...

Que a Vida lhes sorria sempre!

lolita disse...

É impossível não sorrir a este post! :) para a Vera e para o André!