domingo, 13 de abril de 2014

Domingo de Ramos


A Igreja Católica, celebra hoje o  Domingo de Ramos, dia em que se comemora  a entrada triunfal de Jesus Cristo  em Jerusalém. Ao longo dos tempos ao sentido Católico foi-se juntado o sentido mais profano com os afilhados a oferecem ás madrinhas os raminhos que deveriam ser oliveira, mas que hoje em dia são dos mais simples aos mais elaborados mas raramente têm qualquer sinal de ramo de oliveira.
Vale a tradição...

4 comentários:

Mary disse...

Eu como não sou grande apreciadora de flores ou plantas o meu afilhado dá-me sempre uma lembrança algo mais útil ;)

Flor Guerreira disse...

Os raminhos das minhas filhas seguiram via facebook, com fotografias. Estão cá em casa guardados. As madrinhas estão longe.

Coquinhas disse...

Como a minha madrinha vive longe de mim nunca tive a tradição de lhe dar o raminho, mas lembro-me muito bem de ir à Missa e trazer o raminho que acalmava as trovoadas :D

A Pimenta* disse...

A tradição já não é o que era, isso sem dúvida. Há ramos todos xpto que custam uma fortuna. Eu diria que até isto do domingo de ramos virou um grande negócio.